sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

CANDELÁRIA, CANDLEMAS, OILMEC OU IMBOLC


A forma circular como os Celtas faziam a contagem do tempo (bem como todos os que ainda hoje se identificam com essa cultura fazem) tem como base o ciclo solar associado ao ciclo lunar e as influências que estes provocavam na terra.
A roda do ano, no calendário Celta, comporta oito “Sabbats” determinados pela posição da terra em relação ao sol: equinócios e solstícios, tendo cada um deles um nome:

1 Samhain – 31 de Outubro no hemisfério norte e 30 de Abril no hemisfério sul;
2 Yule – 21 de Dezembro no hemisfério norte e 21 de Junho no hemisfério sul;
3 Imbolc– 1 de Fevereiro no hemisfério norte e 1 de Agosto no hemisfério sul;
4 Ostara – 21 de Março no hemisfério norte e 21 de Setembro no hemisfério sul;
5 Beltane – 30 de Maio no hemisfério norte e 31 de Outubro no hemisfério sul;
6 Litha – 21 de Junho no hemisfério norte e 21 de Dezembro no hemisfério sul;
7 Lammas – 1 de Agosto no hemisfério norte e 2 de Fevereiro no hemisfério sul;
8 Mabon – 21 de Setembro no hemisfério norte e 21 de Março no hemisfério sul.

Em todas estas ocasiões são celebradas duas divindades: a “Grande Mãe”, ou simplesmente a “Deusa”, como alusão à Terra e o “Gamo Rei” ou o “Deus Cornífero” aquele que protege todos os animais e a vida selvagem.
No próximo “Sabbat”, o “Imbolc” que também é chamado de Oilmec ou Candlemas (Candelária) que ocorrerá a 1 de Fevereiro próximo, celebram os Celtas o crescente poder do sol e eminente despertar da terra. O prenúncio de nova vida é motivo de veneração da Deusa. A Virgem da Luz, forma que Ela agora toma, é entronizada. O seu altar, altamente decorado com “galanto”, sugere-nos a primavera que se aproxima.

Vamos celebrar a 2 de Fevereiro a Senhora das Candeias ou da Candelária. Na nossa cultura judaico cristã é o fim do ciclo Natalício. Canta-se às “Estrelas” ou mata-se o porco.

Uma indisfarçável colagem ou evidente sobreposição a culturas ancestrais?

1 comentário:

Momo disse...

qualquer que seja a cultura, o entendimento, a época, todo o ser humano tem a mesma reverência natural pelo oculto, a mesma curiosidade pelo ainda não compreendido.
o aumento da luz do dia influencia todos os seres humanos por afectar inclusivamente o nosso metabolismo (viva a Primavera!). o primeiro povo a descobrir isto talvez tenham sido os Incas-Filhos do Sol.
estas festas pagãs, a adoração do Sol, serão o berço de todas as culturas? a Luz é o que nos une a todos.